Com muita disposição, servidores públicos municipais saem às ruas e podem deflagrar greve na cidade de Patos

grv1Mesmo diante de um sol causticante, centenas de servidores do Município de Patos saíram às ruas na manhã desta quarta-feira, dia 17, para dar início às mobilizações em torno da campanha salarial 2016 encabeçada pelo Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região (SINFEMP).

Com o tema: Só Avança na Luta, os servidores se concentraram na sede do SINFEMP, localizado na Praça Edivaldo Motta, Centro, e logo em seguida fizeram caminhada empunhando bandeiras, faixas e utilizando carros de som para passar a mensagens da campanha salarial. A manifestação se concentrou na frente da Prefeitura Municipal de Patos.

Uma das novidades do ato ocorreu com a apresentação do grupo cultural Os Filhos do Sertão. Os artistas mostraram danças típicas e receberam os aplausos dos servidores que assistiram a atividade de valorização da cultura nordestina. Após a apresentação, os servidores, a pedido do SINFEMP, formaram uma comissão para se reunir com representantes da gestão da prefeita Francisca Motta.

Com uma pauta de reivindicação que aborda reajuste salarial, redução da jornada de trabalho, melhores condições de trabalho, além de cumprimento do Plano de Cargos, Carreira e Salários (PCCS), os servidores se reuniram com Pedro Leitão (secretário de Administração), Adalmira Marques (secretária de Educação), Mericles de Medeiros (secretária de Finanças), Sheila Pereira (subsecretária de Saúde), dentre outras representações do poder público municipal.

O SINFEMP reivindica o reajuste de 11,36% nos vencimentos dos professores. Caso o pedido não seja atendido, os professores podem declarar greve, pois se apoiam, de acordo com José Gonçalves, vice-presidente do SINFEMP, em repasses feitos ao Município pelo Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (FUNDEB), do Governo Federal.

A reunião com os representantes da gestão serviu para apresentar as reivindicações das categorias representadas pelo SINFEMP, no entanto, um novo encontro, no dia 7 de março, irá avaliar as possibilidades de atendimento das reivindicações pautadas. Para Carminha Soares, presidente do SINFEMP, a gestão municipal tem deixado muito a desejar no quesito condições de trabalho e de salário para os servidores.

Jozivan Antero – Patosonline.com

Comente com o facebook

Comentários

Deixe uma resposta