Projeto de Lei garante mais 3% de aumento salarial para os professores ativos e aposentados de Patos.

DSC08015 Em mensagem encaminhada pela Prefeita Francisca Mota a Câmara Municipal, os professores de Patos terão aumento de mais 3% em seus salários retroativo a 1° de setembro de 2013, de acordo com o Projeto de Lei n° 037/2013, que será votado na Casa Juvenal Lúcio de Sousa.

Na justificativa apresentada, a prefeita Francisca Mota, afirma: “Esta proposição nasceu de um entendimento entre prefeita, secretaria de educação e a direção do SINFEMP, que consolidou melhoria salarial para os professores efetivos e inativos deste município…..”.

Para a presidente do SINFEMP, Carminha Soares, foi mais uma conquista para a categoria, que agora passa a ganhar o piso nacional do magistério para 30 horas semanais, tendo como valor inicial de R$ 1.176,94  fora DSC08022as gratificações de docência, que variam de 30% a 55%,  interstício de 2% a cada 5 anos e mais o qüinqüênio de 5% a cada 5 anos.

O vice-presidente do SINFEMP, José Gonçalves, afirmou que o salário do professor que tem apenas o magistério ficará em R$ 1.530,02, inicial e final com R$ 2.014,13. O professor que tem Licenciatura, inicial de R$ 1.754,24 e final com R$ 2.295,49. O professor com Especialização, o inicial será de R$ 2.008,56 e final com R$ 2.613,61. O professor com Mestrado terá salário inicial de R$ 2.296,81 e final com R$ 2.973,08. O professor com Doutorado terá salário inicial de R$ 2.623,31 e final com R$ 3.379,07. Já o Pós Doutorado terá salário inicial de R$ 2.992,89 e final de R$ 3.837,35.

Vale salientar que os professores de Patos, como também os demais servidores municipais, quando forem se aposentar, permanecerão recebendo os mesmos valores dos que estão na ativa, com exceção dos professores que se aposentaram com a carga horária de 25 horas, pois terão os mesmos percentuais de aumento que forem concedidos aos ativos, mas terá diferença na tabela salarial, dos que passaram a trabalhar 30 horas semanais, desde o mês de julho de 2013.

A próxima etapa do SINFEMP vai ser a elaboração de um Plano de Cargos, Carreira e salários ÚNICO para todos os servidores da Secretaria de Educação do Município de Patos.

Gonçalves ainda adiantou que os professores devem fazer uma comparação de seus salários em dezembro de 2012 e dezembro de 2013, pois o percentual de aumento superou 17%, sem aumentar na prática a carga horária dos mesmos. “ Infelizmente ainda tem professores que criticam ferozmente essa nossa conquista, mas na verdade, estamos no caminho certo, conseguindo aumento salarial superior ao índice do governo federal e acima da inflação”, destacou o mesmo.

sinfemp.com.br

Comente com o facebook

Comentários

Deixe uma resposta