SINFEMP garante bloqueio de salários de servidores de São José de Espinharas

SINFEMP garante bloqueio de salários de servidores de São José de Espinharas

O SINFEMP – Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região, entrou com diversas ações de cobrança contra a Prefeitura Municipal de São José de Espinharas, ainda em 2012, pedindo o bloqueio das contas da Prefeitura para pagamento de salários, mas no entanto, apenas as ações que foram para a 5ª Vara da Comarca de Patos, o Juiz concedeu as liminares garantindo o bloqueio e as que foram para a 4ª Vara, também de Patos, todas foram negadas pelo Juiz da referida vara, com isso, causando uma distorção entre os servidores apesar de a entidade ter buscado os mesmos direitos.

A entidade já fez duas reuniões com os servidores e representantes do atual prefeito, mas no entanto, surgiram apenas promessas de verificar se teria condições de apresentar uma proposta, que só iriam analisar depois do dia 30 de janeiro, dentre outras, sem uma proposta concreta por parte da edilidade municipal.

Para a Presidenta da entidade, Carminha Soares, a entidade orienta que nenhum servidor abra mão de seu processo a pedido da Prefeitura, sem a participação da entidade na negociação, pois os mesmos correm o risco de perder os seus direitos. Além disso, orienta para que os servidores que ainda não entraram com as ações procurarem a entidade.

A assessoria jurídica da entidade está fazendo o levantamento de todos os bloqueios, pois foram assegurados apenas dos servidores que entregarão  a documentação e assinaram a procuração para os advogados da entidade e que defende, no caso de acordo, seja parcelado o atrasado no máximo em três vezes e que todos os servidores que queiram entrar com ações de cobrança a entidade irá impetrar as mesmas.

No tocante aos professores, querem uma resposta concreta até o dia 30 de janeiro e caso não seja dada essa proposta, não iniciarão o ano letivo de 2013.

www.sinfemp.com.br

Comente com o facebook

Comentários

Deixe uma resposta