Servidores de Patos podem paralisar atividades

servidores_paralizacaoO SINFEMP- Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região, decidiu que os servidores públicos municipais de Patos deverão paralisar suas atividades caso todos os projetos de leis não sejam aprovados pela Câmara até  terça-feira, dia 8 de abril de 2014.

Para a presidente do SINFEMP, Carminha Soares, deve ir 8 projetos para a Câmara Municipal de Patos, para aprovação garantindo o acordado com a Prefeita Francisca Motta e as 33 categorias de servidores municipais.

No próximo dia 8 de abril, terça-feira, todos os servidores estão sendo convidados para comparecem a Câmara Municipal, no sentido de acompanhar a aprovação dos projetos e dois ainda não foram sequer enviados, tais como: a garantia da incorporação de 50% das gratificações na cabeça do contracheque e mais 25% em 2015 e 25% em 2016, além do projeto da insalubridade para todos os servidores municipais.

Para o vice-presidente do SINFEMP, José Gonçalves, não tem nenhuma justificativa os projetos estarem sendo enviados para a Câmara eivados de erros, demonstrando a falta de compromisso e respeito para as mais diversas categorias. “ O SINFEMP não tem como elaborar os projetos e encaminhar para a Câmara, isso tem que ser feito pela gestora municipal que tem uma grande equipe, mas não está interessada em encaminhar as deliberações ocorridas com as categorias”, frisou o mesmo.

Para o sindicalista, caso na próxima terça-feira, dia 8 não sejam aprovados, a entidade vai convocar um dia de paralisação, com ato em frente a Prefeitura.

sinfemp.com.br

Comente com o facebook

Comentários

Deixe um comentário