Sindicalista defende convocação de todos os aprovados em concurso

O sindicalista José Gonçalves, presidente do SINFEMP- Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região, está defendendo a convocação integral de todos os aprovados no concurso público pela Prefeitura Municipal de Patos, realizado em 2011.

O sindicalista criticou a demora na convocação dos aprovados, que estão sendo chamados a prestação, como também o número reduzido de servidores, se comparado ao número de contratados pelo município.

Segundo Gonçalves a aprovação em concurso público se cria uma expectativa para cada aprovado, que espera ser convocado o mais rápido possível e se no edital foram colocadas que existiam as vagas, logo depois do resultado devem ser todos convocados para exercerem o seu trabalho.

Outra preocupação é no tocante a lei eleitoral, pois se não forem convocados todos até o dia 30 de junho de 2012, a lei eleitoral não permite a convocação posterior a esta data.

Gonçalves faz um apelo ao gestor municipal, no sentido de resolver imediatamente essa situação, substituindo os contratos pelos aprovados no último concurso público, cumprindo assim o que determina a lei.

Foram convocados os técnicos administrativos das secretarias de Administração, no total de 20. Telefonista, no total de 2. Motorista, no total de 5 e apenas 1 vigilante. 10 pedreiros. 1 eletricista. 29 auxiliares de serviços. 9 serventes. 1 pintor.

Na Secretaria de Educação foram convocados 20 técnicos administrativos. 28 vigilantes.  84 auxiliares de serviços. Já na Secretaria de Saúde apenas 11 auxiliares de serviços, quando existem 28 aprovados.

O presidente do SINFEMP, defende uma carga horária de 30 horas semanais para todos os servidores públicos municipais, como forma dos mesmos terem tempo disponível para o estudo, lazer, podendo ficar mais tempo com suas famílias.

Comente com o facebook

Comentários

Deixe um comentário