Professores de São José do Sabugi garantem 35% de aumento salarial

Os professores municipais de São José do Sabugi, reunidos na manhã de terça-feira, dia 27 de março de 2012, discutiram a proposta de aumento salarial apresentada pela Prefeitura municipal, acompanhada de uma tabela de vencimentos, que incluía salário base, progressão vertical e a GID- Gratificação de Incentivo a Docência para todos os profissionais.

O presidente do SINFEMP- Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região, que realizou a assembleia, discordou apenas do percentual da Gratificação de Incentivo a Docência, proposta pela prefeitura no percentual de 15%, pois o plano anterior garantia 30% e propôs que fosse acrescida para 20%, em virtude de todos os salários dos professores terem aumentado substancialmente, superando o valor de R$ 1.450,00 do piso nacional da categoria, onde todos os professores presentes concordaram.

Em relação ao retroativo de janeiro e fevereiro, foi sugerido o pagamento em duas parcelas, sendo nos meses de abril e maio, em virtude de todos receberem seus salários com aumento ainda no mês de março de 2012.

Para o sindicalista José Gonçalves, foi mais uma vitória do SINFEMP na região e de todos os professores em fechar uma proposta de aumento salarial avançada no município. “Mesmo com a proposta inicial apresentada pela Prefeitura o menor salário base do professor ficaria em R$ 1.387,73 e com a gratificação de incentivo a docência passou para R$ 1.595,88 para uma carga horária de 30 horas semanais”, destacou Gonçalves.

O projeto de lei deve ser encaminhado para aprovação pela Câmara Municipal de São José do Sabugi, com as alterações sugeridas pelo SINFEMP.

Comente com o facebook

Comentários

Deixe uma resposta